23 de dez de 2010

Mais que Amigos - cap. I



     A semana toda ele colocou frases poéticas no sub-nick do MSN. Ele me olhava com um ar apaixonado na escola. Parecia querer dizer algo, mas não dizia. Então ele me chamou pra ir ao shopping, meus olhos faiscaram de alegria – ele ia se declarar! Eu não podia estar mais feliz.
Eu estava diante o espelho, passando a 2 camada de rímel Bourjois enquanto imaginava as palavras dele. O que será que ele diria? “Estou apaixonado” “Você é muito especial e eu quero ficar com você” “Quer namorar comigo?” Eu não podia esperar a hora de vê-lo.
-Ai, droga! – borrei a boca enquanto passava batom pretty pink da Contém 1g e suspirava ao mesmo tempo; definitivamente era como seu eu não coubesse em mim de tanta expectativa.
Pra finalizar meu look perfeito só faltava calçar minhas sandálias favoritas do momento. Dei uma olhada no espelho maior, os olhos marcados pelo delineador e realçados pelo rímel brilhavam, nos lábios além do batom estava um sorriso que eu não conseguia esconder. O vestido anil curto e de alcinha parecia desenhado pra as minhas curvas e as sandálias rosa-choque da Arezzo davam um toque especial. No pescoço, o meu cordão de prata com pingente de pimenta – pra queimar toda a inveja – dizia a minha mãe.
Quando cheguei ao shopping, ele já estava no local combinado. Ele estava lindo, vestia uma camisa pólo verde, calça jeans, o tênis Adidas surrado – eu não podia negar, ele tinha estilo.
- Marina! – ele sorriu.
- Davi! – eu sorri, meio tímida.
Começamos a conversar casualmente, ele sabia muito bem como me distrair. Ele fazia uma piadinha, eu ria, ele ria. Os olhos dele também brilhavam, até que nossos olhares se cruzavam, ele suspirou, olhou pra frente e disse:
- Lembra que eu disse que eu tinha algo pra te dizer? – ele tinha um ar apaixonado na fala e no olhar.
- Ah sim, é mesmo. O que era? – eu fingi casualidade, não queria que ele percebesse toda a minha expectativa.
- Então, senti que era hora de dizer isso a você. Afinal, não fazia sentido eu esconder tudo o que eu sinto de você.
- Hum, mistério! Vamos, diga. – e sorri, não agüentava mais de ansiedade.
- Estou apaixonado, Marina. – e os olhos dele brilharam, e os meus também.

3 comentários:

Milla Trindade disse...

Gostei do seu blog ...
seguii aee

Blog de Micos -

http://mylifefail.blogspot.com/

Blog de moda -

http://cetimcorderosa.blogspot.com/

Isabela disse...

aaa ficou lindo *------*

ameei ♥ curiosa para ver a continuação ;)

Kelly B. disse...

Obrigada Meninas! Acompanhem o cap II

Postar um comentário

Me diga o que quiser. Críticas? Elogios? Ideias? Precisa conversar ou quer um conselho? Fique a vontade pra escrever nesse espaço.